Siga nas redes sociais

Acusada de matar mulher que estava tomando banho na casa do ex-companheiro vai responder por homicídio qualificado

A Justiça aceitou denúncia contra Kelly Diniz da Silva, de 28 anos, suspeita de esfaquear e matar Geovanna Victória Moreira da Silva, de 24 anos, e ainda ferir Romário Pereira da Silva, com quem teve um relacionamento. Ela foi presa enquanto estava chorando na calçada da casa onde aconteceu o crime em Araguaína, no norte do estado.

Segundo apuração do Ministério Público, que ofereceu denúncia, Kelly e Romário tIveram um relacionamento conturbado que envolveu situações de violência doméstica e teriam terminado pouco tempo antes do crime, em 21 de janeiro deste ano.

Mesmo assim, segundo relatado no boletim de ocorrência, Kelly teria ido à casa do ex-companheiro para buscar alguns pertences pessoais e encontrou Geovanna tomando banho. 

Por Romário estar acompanhado, Kely ficou com ciúmes, se armou com uma faca e começou a agredir a jovem. Geovana correu, mas as facadas atingiram o pulmão e o coração. Ela não resistiu w morreu na casa.

O ex-companheiro tentou impedir Kelly de agredir Geovanna, mas também foi ferido e acabou caindo na calçada. Ele foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Kelly foi encontrada por policiais chorando e intimidando as pessoas que tentavam se aproximar dela e das vítimas.

O Ministério Público ainda apurou que após os ataques, Kelly gravou um vídeo mostrando o que tinha feito e afirmou à Polícia MIlitar que só sairia do local quando confirmasse que Geovanna estivesse morta.

A acusada acabou sendo levada para a Central de Flagrantes de Araguaína e ainda está presa preventivamente.

O juiz Carlos Roberto de Sousa Dutra, da 1ª Vara Criminal de Araguaína, recebeu a denúncia do MP nesta sexta-feira (2) e deferiu os pedidos do órgão para que ela responda por homicídio qualificado por motivo torpe, pela morte de Geovanna, e por lesão corporal qualificada, por ferir Romário.

Como no processo a acusada ainda não constituiu advogado, não foi possível pedir posicionamento da defesa. 

 

Fonte: g1

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo