Siga nas redes sociais

Circulação de vírus da influenza A e covid-19 são confirmados na Capital

A Secretaria Municipal da Saúde de Palmas (Semus) alerta para a circulação influenza A e covid-19 na Capital. De acordo com a equipe técnica, responsável por realizar semanalmente o monitoramento dos vírus respiratórios no Município, na última semana epidemiológica, entre os dias 14 a 20 de janeiro de 2024, além da circulação do SARS-CoV-2, também foi detectado o antígeno Influenza A.

A identificação das cepas circulantes foi comprovada com a coleta de amostras pela rede sentinela. As coletas foram feitas nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA) e a análise laboratorial pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Estado (Lacen). Com isso, a Semus recomenda alguns cuidados para evitar a proliferação e transmissão dessas doenças respiratórias.

A biomédica sanitarista e coordenadora das Doenças Imunopreveníveis da Semus, Fernanda Fernandes, destaca que as medidas de proteção e prevenção, como o uso de máscara (descartável ou tecido), higiene das mãos (com água e sabão ou álcool em gel),  sejam mantidas pela população em qualquer sinal de sintomas gripais. Todo paciente sintomático deve procurar a Unidade de Saúde da Família (USF) de referência para a realização de testagem e manter o cartão vacinal atualizado. 

“A vacina da influenza precisa ser tomada anualmente. A cada ano ela é atualizada com as cepas circulantes no Brasil. A vacina desse ano já está disponível para os grupos prioritários. As vacinas contra covid temos disponíveis gratuitamente para todas as idades. É imprescindível que a população se atente ao prazo e tome todos os imunizantes necessários para evitar qualquer agravo”, recomenda Fernanda.

Importância da vacinação

Em muitos casos, a vacina é a única forma de proteção e, em outros, como é o caso da influenza e covid-19, a pessoa imunizada elimina ou reduz consideravelmente o risco de adoecimento ou de manifestações graves, que podem levar à internação e até mesmo ao óbito. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), por ano, a imunização evita cerca de dois a três milhões de mortes.

Em Palmas, de acordo com os dados da Central da Rede de Frio (Cemurf), até o dia 5 de dezembro de 2023, haviam sido aplicadas 631.037 doses de vacina contra a covid-19. A primeira e segunda dose monovalente foram as mais procuradas pela população, 251.163 e 211.247 unidades aplicadas, respectivamente. Acerca do público imunossuprimido que necessita da terceira dose, foram administradas 7.570 vacinas. 

As doses de reforço são as menos procuradas pelos cidadãos, apenas 100.583 pessoas tomaram. Sobre o segundo reforço para a população acima dos 40 anos, foram administradas apenas 30.054 doses. Enquanto 30.420 pessoas receberam o imunizante de reforço da vacina bivalente.

Cuidados necessários

  • Tomar a vacina contra a gripe anualmente, especialmente, se você estiver em um grupo de risco, como idosos, crianças pequenas e pessoas com condições médicas crônicas;
  • Manter a casa e o local de trabalho sempre bem ventilados e arejados;
  • Utilizar máscara quando tiver sintomas de gripe ou quando estiver em estabelecimentos de saúde ou transporte público;
  • Lavar as mãos regularmente com água e sabão por, pelo menos, 20 segundos, especialmente, antes de comer e após tossir, espirrar ou assoar o nariz ou utilizar álcool em gel;
  • Evitar tocar o rosto, especialmente a boca, o nariz e os olhos, sem antes lavar as mãos;
  • Cobrir o nariz e a boca com o braço ao tossir ou espirrar ou utilizar lenço de papel (que deve ser descartado);
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes. Se você estiver doente, evitar contato próximo com outras pessoas, especialmente aquelas que estão em grupos de risco;
  • Evitar compartilhar objetos pessoais  com outras pessoas, como copos e talheres;
  • Limpar e desinfetar superfícies e objetos frequentemente tocados, como maçanetas, interruptores de luz, telefones e teclados de computador;
  • Beber bastante água, pois a hidratação adequada ajuda a manter o sistema imunológico saudável e a prevenir a desidratação, que pode tornar mais difícil para o corpo combater a influenza;
  • Manter um estilo de vida saudável, incluindo dieta equilibrada, atividade física regular e uma boa qualidade de sono para manter o sistema imunológico forte.
Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo