Siga nas redes sociais

Educação ganha investimentos que vai além do transporte escolar


“Não importa se o aluno é da rede pública de ensino municipal, estadual ou da iniciativa privada, o importante é que é um aluno do Tocantins e ele deve ser bem assistido e bem trabalhado para que apresente bons resultados”. Com esta filosofia o Governo do Estado tem trabalho efetivamente o regime de colaboração com os municípios que só este ano já repassou mais de R$ 10 milhões e segundo o secretário da educação, Danilo de Melo passará mais R$ 13 milhões até dezembro.

Dentro do regime destacado por Danilo, o Governo repassará para os municípios mais de 40 mil notebooks, dos 76 mil que receberá nos próximos meses. “Este é um investimento no estado e no município ao mesmo tempo. Tudo isso por entender que o aluno do município hoje será da rede estadual e se ele tiver um bom desempenho no município, também terá no estado”, afirmou o secretário.

Para fortalecer ainda mais esta relação Estado/Município, o Governador Siqueira Campos recentemente esteve em Brasília, com o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, quando o Tocantins foi um dos primeiros estados a assinar o Projeto Nacional de Alfabetização na Idade Certa, que tem como objetivo melhorar o desempenho da alfabetização e como a maioria fica no município, significa dizer que o Tocantins novamente vai olhar para a própria rede municipal.

O Estado também quase dobrou a quantidade de ônibus entregue aos municípios. Foram 31 em 2011, 48 no início deste ano e segundo o secretário mais 172 serão entregues ate dezembro. “Além dos benefícios já citados, temos as bolsas de ensino para os professores da rede municipal de ensino, inserimos estes professores no Salto (Sistema de Avaliação da Educação do Estado do Tocantins) e fornecemos toda assistência técnica e financeira, principalmente no que tange a formação continuada destes educadores”, destacou Danilo.

Obras

Segundo o secretário, o estado tem um balanço muito positivo levando em consideração ao valor do investimento que o Governo faz e a qualidade do investimento. Em termos de obra, até o final do ano entre contratando e concluindo, o Governo vai investir cerca de R$ 110 milhões em obras. Parte deste recurso é oriunda do tesouro estadual e a outra parte de convênios inclusive com o Ministério da Educação.

Para Danilo o mais importante é que o Estado tem conseguido trabalhar nas duas principais e necessárias frentes, economizando recursos para fazer investimentos e pleiteando novos recursos juntos as entidades. “Conseguimos contratar a título de empréstimo mais de R$ 60 milhões para investir em transporte escolar e computadores que serão entregues a alunos da rede estadual e municipal de ensino. Estes recursos conseguidos junto ao BNDES serão pagos ainda nesta gestão”, ressaltou.

As 18 escolas de tempo integral que o Governador Siqueira Campos se comprometeu implantar já começam a ser construídas em 2012 e até 2013 já serão em sua maioria entregues. Segundo Danilo, o Governador já planeja ampliar este número.

As escolas de tempo integral ainda não estão na lista da maratona de inaugurações que o Governador fará no segundo semestre. “Temos escolas prontas para funcionar, mas como estamos no final do semestre, manda o bom senso que não entreguemos uma escola quando entramos em férias, mas a partir do final de julho todas as obras serão entregues e pelo cronograma entregaremos uma média de cindo a 10 obras por mês. São 17 novas escolas e várias reformas e ampliações, totalizando 72 obras, espalhadas em todo o Estado. E pretendemos ampliar este número com mais 30 novas obras que serão possíveis graças à liberação de recursos que estavam presos nas contas das escolas apenas com rendimento financeiro, dentre estas obras destacamos a construção de mais cinco salas em algumas escolas e a construção de quadras cobertas que viabilizem a prática de esportes no inverno e no verão”, finalizou.

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo