Siga nas redes sociais

Em Aurora do Tocantins, Adapec concede certificação de equivalência federal a laticínio

Adapec entrega ao empresário Roque Aguiar o registro do Sisbi. Foto: Keven Lopes / Governo do Tocantins

O Governo do Tocantins, por meio da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec), concedeu nessa quarta-feira, 28, o registro de adesão ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos e Insumos Agropecuários (Sisbi) para a agroindústria Laticínio Aguiar, situada no município de Aurora do Tocantins, na região sudeste do Estado. Com a certificação a empresa poderá, a partir de agora, comercializar seus produtos em todo o território nacional.

A entrega do registro foi feita pelo gerente de inspeção animal da Adapec, Antônio José de Souza Caminha, que representou a Agência e destacou a superação da empresa e a parceria com o Serviço de Inspeção Estadual (SIE) na retomada de suas atividades que culminou na conquista do selo Sisbi.

“O Laticínio Aguiar é uma empresa familiar de pequeno porte que já possuía o Selo SIE, e apesar de ter enfrentado inúmeras dificuldades econômicas e pessoais que limitaram algumas ações da empresa, seus representantes encontraram na Adapec um apoio para que pudessem avançar no controle de qualidade e na manutenção da indústria, e depois de dois anos com o acompanhamento do SIE, a empresa evoluiu a tal ponto no controle de qualidade, que atendeu todos os requisitos estabelecidos alcançando assim, a certificação do Sisbi,” disse Antônio José.

“Eu comecei irregular e depois fui orientado pela Adapec para regularizar a empresa e me registrei no SIE em 2009, e mesmo com as dificuldades seguimos adiante. O registro no Sisbi também foi feito com o acompanhamento e orientação da Adapec, que incentivou a buscar esta nova etapa. Hoje eu vendo aqui na região, nossos produtos já são bem conhecidos, alcançando mercados em Palmas e outros municípios mais distantes, e o objetivo é crescer porque agora com o Sisbi temos esta possibilidade,” disse o empresário Roque Moreira Aguiar

Esta é a 14ª empresa no Tocantins a conquistar o Selo Sisbi, e a partir de agora ela poderá comercializar seus produtos em outras unidades da federação, fortalecendo a economia com a geração de emprego e renda.

O Laticínio Aguiar

O laticínio foi construído por uma família de agricultores que trabalhavam no campo e para tentar resolver o problema de uma região que não contavam com um lugar para processar o leite resolveram investir num laticínio, sofreram perdas pessoais e econômicas ao longo da história, mas tiveram a força e a coragem de se reerguer.

Atualmente o laticínio conta com cinco funcionários e possui uma capacidade de processamento de 6 mil litros de leite ao dia, produzindo queijo mussarela e creme de soro de leite.

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo