Segunda, 26 Julho 2021

Telefone: 63 3214-1853 | Whatsapp: 63 98403-8418 | E-mail: [email protected]

Regulariza Palmas junho 2021 Banner 728X90

Geral

Estudantes querem voltar às aulas, mas o MEC é omisso

Publicado em: Quinta, 22 Julho 2021 16:19 Escrito por Redação
Avalie este item
(0 votos)
A União Brasileira dos Estudantes Secundaristas, quer o retorno das aulas presenciais de forma segura Créditos da imagem: Ilustração A União Brasileira dos Estudantes Secundaristas, quer o retorno das aulas presenciais de forma segura

Nesta terça-feira, 20 de julho de 2021, o Ministro da Educação (MEC), Milton Ribeiro, fez um pronunciamento em rede nacional conclamando à volta presencial das aulas. A União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), que tem máximo interesse no retorno às aulas presenciais,  que entende a importância para o aprendizado,à integração, ao futuro e a proteção social dos estudantes que estão nas escolas, vem por meio desta nota, repudiar e denunciar a omissão  do órgão e do Governo Bolsonaro para o processo e durante toda a pandemia,

Para se ter uma ideia, em 2020 o MEC devolveu o orçamento destinado às adaptações do ensino remoto  e para o retorno de aulas seguindo protocolos sanitários. Não houve projeto do MEC, que inclusive funciona como uma extensão ideológica do Governo Bolsonaro, levando a pauta de costumes e o homeschooling como projetos prioritários da pasta - isso tudo - nesse momento de caos social e sanitário que atravessamos.

O PL da Conectividade, que tem como objetivo oferecer internet para 18 milhões de estudantes da Escola Pública, não ganha nem sequer apoio do Ministro e passa agora por processos judiciais para ser implementado. Como o MEC, órgão máximo da Educação, se omite, joga aos estados e municípios à responsabilidade da volta às aulas, sem apresentar um plano efetivo?  Atuam como inimigos da educação, sem aceitar diálogos com as entidades educacionais e  estudantes. Inclusive, nós da UBES, fizemos em conjunto com Centro de Estudos e Memória da Juventude (CEMJ) e especialistas em educação uma Nota Técnica com protocolos para o retorno seguro. Material este que foi entregue para mais de 18 Secretários de Educação Estaduais, mas que o Ministério da Educação nunca aceitou receber. 

A União Brasileira dos Estudantes Secundaristas ressalta a vontade no retorno às aulas de forma segura e entendemos que as quase 600 mil vidas perdidas são fruto da negligência e corrupção do governo Bolsonaro na compra de vacinas, expostas nas investigações da CPI da COVID, e que são fatores que influenciaram para que hoje estudantes ainda estejam fora da sala de aula.

 

Compartilhar nas redes sociais

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Notícias em destaque

O Portal Agora-TO é um site de notícias voltado para a divulgação de informações do Tocantins e do Brasil e é editado sob a responsabilidade da Moara Comunicação Ltda, empresa sucessora da Dias e Vallim Ltda., com 21 anos de experiência na área de comunicação e jornalismo.

Newsletter

Cadastre-se em nosso Newsletter e receba em seu e-mail as principais notícias e novidades do Agora Tocantins.

Fique tranquilo, seu e-mail estará 100% protegido. Odiamos spam!