Siga nas redes sociais

Goiás Social Mulher estende serviços até sábado, 09

A pedido do governador Ronaldo Caiado, estrutura montada na Praça Cívica, em Goiânia, ganha mais um dia de funcionamento. Ação já realizou mais de 60 mil atendimentos…

Sucesso de público, a primeira edição do Goiás Social Mulher terá funcionamento estendido. Por determinação do governador Ronaldo Caiado, a estrutura montada na Praça Cívica, em Goiânia, continuará ofertando serviços gratuitos até sábado (09/03), um dia a mais que o previsto.

“Vai continuar tudo aberto”, confirmou o governador ao explicar que a medida contempla a participação daquelas que não puderam comparecer durante a semana devido ao trabalho ou por motivos diversos.

A primeira-dama e coordenadora do Goiás Social, Gracinha Caiado, acompanhou o governador na visita aos estandes, nesta manhã de quinta-feira (07/03), e confirmou que “já foram mais de 60 mil atendimentos” realizados desde o início da ação, que começou na segunda-feira (04).

“Aqui existe todo um apoio à mulher, de proteção e transformação. Ela pode vir buscar emprego, ter atendimento jurídico, capacitação. Sem falar que todas as secretarias de governo trazem seus serviços”, disse a primeira-dama.

Goiás Social Mulher

A iniciativa do Gabinete de Políticas Sociais (GPS) reúne 15 órgãos e unidades do Estado, com oferta de 40 serviços estaduais gratuitos em um único local. Trata-se de um esforço do governo para facilitar o acesso das mulheres a benefícios sociais, emissão de documentos e entregas de cartões de programas voltados para elas, como o Mães de Goiás, que garante repasse de R$ 250 mensais; Goiás Por Elas, que destina R$ 300 mensais a vítimas de violência doméstica; e Dignidade Menstrual, que disponibiliza gratuitamente absorventes.

Caiado afirmou que as políticas sociais de Goiás voltadas ao público feminino têm promovido mudança de paradigmas.

“O conceito era que a mulher tinha que ser responsável pela casa. Hoje, o Goiás Social faz com que ela seja responsável pelo seu próprio negócio. É isso que nós estamos implantando em Goiás: dignidade, autonomia e independência para as mulheres. Elas deixam de ficar sob o jugo de uma pessoa que muitas vezes acha que, por estar pagando aluguel ou levar comida para casa, tem o direito de violentá-la.”

“É isso que nós estamos implantando em Goiás: dignidade, autonomia e independência para as mulheres”, afirmou Ronaldo Caiado em visita ao evento, na manhã desta quinta (07/03)

Ao longo da semana, mais de 11 mil mulheres passarão pelo local para pegar cartões sociais. O governador fez a entrega simbólica de benefícios. Kaliane de Oliveira Silva recebeu o Mães de Goiás para auxílio com seu filho de dois anos.

“Vai me ajudar demais a comprar as coisas dele, como fraldas e comida”, declarou.

Já Regina Silva concluiu curso gratuito de confeitaria e ganhou acesso à Bolsa Qualificação e ao Crédito Social.

“Sempre quis me especializar, porque tenho vocação. Agora minha vida vai mudar.”

Serviços

Entre os serviços disponíveis no Goiás Social Mulher estão exames de mamografia e tomografia, teste rápido de HIV, Sífilis, Hepatites B e C, complexo homeopático para dengue (gotinhas), Vapt Vupt, emissão de carteira de identidade, orientação jurídica, inscrições em cursos profissionalizantes, oficinas de ovos de Páscoa e solicitação de Carteira do Autista, Passe Livre da Pessoa com Deficiência e Passaporte do Idoso; além da oferta de mais de 4 mil vagas de emprego.

A lista completa está disponível aqui.

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo