Siga nas redes sociais

Governo do Tocantins assina carta de intenção para a realização da Campus Party em Palmas

O governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, recebeu em seu gabinete, no Palácio Araguaia Governador José Wilson Siqueira Campos, nesta segunda-feira, 22, representantes do Instituto Campus Party, associação sem fins lucrativos responsável por um dos maiores festivais de tecnologia e empreendedorismo do mundo, a Campus Party. A reunião tratou da assinatura da carta de intenção para a realização do evento em Palmas, no mês de agosto deste ano.

A realização será um ato histórico para o Tocantins, visto que a Campus Party é o maior evento de tecnologia, empreendedorismo, ciência e disruptividade do mundo, com mais de 70 edições realizadas em 30 países. Em Palmas, contará com o apoio do Governo do Tocantins, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Tocantins (Fapt) e da Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

Wanderlei Barbosa mostrou entusiasmo com a realização do evento no Estado. “Nós queremos fazer um grande evento, que vai atender todos os setores da sociedade tocantinense. Vamos provocar os municípios, o setor empresarial, o setor turístico, o agronegócio, pois queremos que todos os poderes estejam envolvidos nesse grande festival. Nossa juventude vai participar desse encontro, que é feito principalmente visando esse público, sabendo que a nossa sociedade será contemplada”, destacou o governador.

O presidente da Fapt, Márcio da Silveira, pontuou os inúmeros ganhos que o Estado terá com a realização do evento em Palmas. “Nosso governador determinou a realização da maior feira tecnológica de inovação do Globo e, ao invés de levar todos os tocantinenses para o mundo, nós traremos o mundo para os tocantinenses. A maior oportunidade, uma verdadeira revolução educacional, revolução na indústria, revolução na agricultura, em todos os aspectos. Estaremos dando essa oportunidade para a nossa juventude de norte a sul do Tocantins”, comemorou.

Para o secretário de Estado da Educação, Fábio Vaz, a realização do festival representa um enorme avanço para a educação, visto que o estudante tocantinense estará muito próximo de uma realidade atual tecnológica, podendo ter oportunidades gigantescas. “Realizaremos, no estado do Tocantins, o melhor e maior evento de tecnologia do mundo. Isso é dar oportunidade para o nosso estudante, já que muitos poderão vir do interior para a Capital, ter contato com o evento, se relacionar com pessoas do mundo todo e participar de fóruns, tudo voltado à tecnologia”, afirmou o secretário, na ocasião.

O presidente do Instituto Campus Party, Francesco Farruggia, agradeceu ao governador Wanderlei Barbosa pela compreensão da importância da tecnologia para a juventude, destacando que o Estado marca uma nova era para a Região Norte no que se refere ao mundo tecnológico. “Iremos colocar o Tocantins no mapa digital do Brasil e do mundo em agosto deste ano, com a certeza de que faremos uma grande festa neste Estado, que certamente deixará um legado para o festival”, comentou.

Campus Party

Campus Party é um evento global que reúne entusiastas de tecnologia, inovação e empreendedorismo em um ambiente único, proporcionando uma experiência imersiva de vários dias. Originada na Europa, a Campus Party expandiu-se para diversos países, incluindo o Brasil, onde se tornou um dos maiores encontros de tecnologia do país. Durante o evento, os participantes têm a oportunidade de assistir palestras, workshops, competições e interagir com profissionais renomados, além de compartilhar conhecimentos, projetos e experiências em áreas como ciência, programação, design, jogos e startups, promovendo uma intensa troca de ideias e networking entre os participantes. O evento busca inspirar e impulsionar o desenvolvimento tecnológico e a inovação, alinhando com as demandas locais.

E a edição do Tocantins será inovadora. Segundo o presidente do Instituto Campus Party, ela será realizada no Estado, pela primeira vez, conjuntamente com o Fórum Nacional de Educação do Futuro, que irá discutir inúmeras pautas referentes à educação social e à tecnologia. “Será o primeiro Fórum Nacional de Educação do Futuro. Vamos trazer gente do Brasil e de fora para discutir como tem que ser a educação no mundo da revolução digital. Isso vai deixar, como legado, um caminho que deve ser seguido não só no Tocantins, mas em todos os lugares. Vamos discutir como enfrentar os problemas da educação, pois sabemos que não é só comprar um computador e dar para o aluno, precisamos formar os estudantes. Discutiremos isso e várias outras características, o que será o grande diferencial do evento no Tocantins”, finalizou Francesco Farruggia.

Acompanharam o governador na reunião o secretário-chefe da Casa Civil, Deocleciano Gomes; o secretário de Estado da Fazenda, Júlio Edstron; o presidente da Agência de Tecnologia da Informação (ATI), Alírio Félix; o deputado federal, Vicentinho Júnior; o superintendente do Sebrae, Rérison Castro; e demais autoridades.

 

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo