Siga nas redes sociais

Governo do Tocantins promove Oficina de Planejamento da Região Turística de Serras Gerais, em Paranã

Participantes da oficina comemoram avanços para a região das Serras Gerais - Foto: Mazim Aguiar

A participação em instâncias de governança regionais é um dos requisitos obrigatórios para um município integrar o Mapa do Turismo Brasileiro, instrumento federal de ordenamento e desenvolvimento das políticas públicas para o setor. Com esta finalidade, o Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado do Turismo (Setur), tem realizado uma série de eventos nas sete regiões turísticas do Estado e, na quinta-feira, 11, foi iniciada a Oficina de Planejamento da Região Turística de Serras Gerais, uma ação que terminou nesta sexta-feira, 12, em Paranã.

Sob responsabilidade da Gerência de Produtos Turísticos da Superintendência de Operações Turísticas e Projetos Estratégicos, a oficina ocorre no Colégio Estadual Desembargador Virgílio de Melo Franco, na Praça Nossa Senhora de Fátima. Participam, representantes dos municípios componentes da região turística: Almas, Arraias, Aurora, Conceição do Tocantins, Lavandeira, Natividade, Novo Jardim, Ponte Alta do Bom Jesus, Porto Alegre do Tocantins, Rio da Conceição, Paranã, entre gestores municipais e empresários membros dos respectivos conselhos municipais de turismo, além do Consórcio Vale do Manoel Alves, da Universidade Federal do Tocantins, da Defesa Civil e da Associação de Desenvolvimento do Turismo Sustentável e Produção Associada de Serras Gerais do Tocantins (Assegtur).

“Com essas oficinas, queremos fortalecer a região no que diz respeito à governança no âmbito do Programa de Regionalização do Turismo do Governo Federal”, pontuou o secretário de Estado do Turismo, Hercy Filho, que ressalta o empenho da gestão Wanderlei Barbosa em colocar o turismo tocantinense em evidência. “O estímulo à geração de emprego e renda a partir do desenvolvimento deste setor é uma das prioridades do Governador”, completou.

A secretária-executiva da Setur, Jocélia Costa, levou aos participantes a mensagem sobre a importância da consolidação da Instância de Governança Regional (IGR) das Serras Gerais. “Precisamos preparar os empreendedores, o poder público e a sociedade civil para receber o turista e fazer acontecer essa região”, ressaltando que é uma meta do Governo do Estado que todas as regiões tenham os seus potenciais turísticos trabalhados e apresentados em sua melhor forma aos visitantes.

A técnica da Setur, Graziela Cortez, destaca que um dos objetivos da oficina é levantar os pontos altos de cada município e seus desafios. Nesta sexta-feira, 12, será eleita uma diretoria provisória da IGR e apresentado o planejamento para os próximos meses.

Serras Gerais

Localizada ao sudeste do Estado, a região turística reúne municípios circundados pela maior cadeia de serras do Brasil e uma enorme variedade de atrativos naturais. Além disso, reúne algumas das cidades mais antigas do antigo norte goiano, erguidas há quase 300 anos, durante o Ciclo do Ouro. Os atrativos naturais e a preservação de tradições religiosas, festivas e gastronômicas são destaque nas Serras Gerais.

Secretária-executiva Jocélia Costa representou o secretário Hercy Filho e ressaltou importância da ação – Mazim Aguiar/Governo do Tocantins

Foram levantados os pontos altos e os desafios da região – Mazim Aguiar/Governo do Tocantins
Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo