Siga nas redes sociais

Linha de capital de giro do BB para pagamento do 13º salário das empresas apresenta contratação recorde


A linha de crédito BB Giro Décimo Terceiro Salário, reaberta para contratação no último dia 8 de agosto, já apresenta crescimento de 77% nos desembolsos, em comparação ao mesmo período de 2011 em todo o país. O volume liberado às empresas chegou a R$ 33 milhões nos primeiros oito dias úteis de disponibilização do empréstimo. Nesse período, a quantidade de operações também evoluiu em 47%, em relação à temporada de 2011.


A linha está disponível com taxas de juros extremamente atrativas, a partir de TR (Taxa Referencial) mais 0,98% ao mês, seguindo a política de encargos reduzidos iniciada em abril com o BOMPRATODOS.


O empréstimo é voltado às empresas de quaisquer portes e ramos de atividade. O prazo de pagamento pode chegar a até 13 parcelas. Para a temporada de 2012, o empresário conta ainda, além das taxas reduzidas, com a possibilidade de pagar a primeira prestação somente em janeiro de 2013. A carência de até 120 dias possibilita ao empresário tomar o crédito já em agosto e pagar no ano que vem, aliviando seu fluxo de caixa e não comprometendo seus recursos. Com isso, ele pode utilizar seu capital próprio para renovar os estoques, preparando-se para as vendas do final do ano.


A linha pode ser contratada com garantias reais ou pessoais. Para a empresa que não conta com garantias suficientes, o BB coloca à disposição o Fundo de Garantia de Operações (FGO), que garante até 80% do valor da operação e possibilita à empresa acessar taxas mais atrativas.


O cliente ainda conta com isenção de 30% do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), uma vez que o imposto não incide sobre os valores do Pasep que compõem parte dos recursos da operação.


Para Adilson do Nascimento Anísio, diretor de micro e pequenas empresas do Banco do Brasil, “a disponibilização da linha de crédito já em agosto, praticamente quatro meses antes do pagamento do compromisso trabalhista, é mais uma demonstração de que o BB está atento às necessidades das empresas, reforçando seu papel de Banco da Micro e Pequena Empresa”.


O Banco pretende superar os resultados obtidos com a linha de crédito em 2011, chegando a atender mais de 30 mil empresas e liberando recursos da ordem de R$ 1 bilhão em 2012.

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo