Siga nas redes sociais

Mais de 20 pessoas são presas em megaoperação da Policia Civil

Grupo criminoso era do Rio de Janeiro e liderava o tráfico de drogas em Araguapaz e Aruanã. Os detidos tinham a determinação de monitorar as ações das polícias. Foto: Polícia Civil/GO

A Polícia Civil de Goiás deflagrou, na quinta-feira (07), a megaoperação chamada Juízo Final.

De acordo com as investigações, os suspeitos se uniram para instalar nas cidades de Araguapaz, Aruanã e Mozarlândia uma organização criminosa, originária do Rio de Janeiro, cujo objetivo era controlar o tráfico de drogas na região, fazendo frente a grupos rivais. No decorrer da investigação, a Polícia Civil apurou que os investigados tinham a determinação de monitorar as ações das polícias, fotografando e fazendo filmagens de viaturas e até mesmo de fachadas de delegacias.

Na ação, foram cumpridos 20 mandados de prisões temporárias e 20 mandados de busca e apreensão. Além disso, duas pessoas foram presas em flagrante por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Ao total, 27 pessoas são investigadas.

Durante a operação foram apreendidas porções de substâncias entorpecentes, balanças de precisão, aparelhos telefônicos, agendas e valores em espécie, além de uma arma de fogo tipo garrucha e 16 munições calibre .22

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo