Siga nas redes sociais

Polícia Civil investiga homem suspeito de desviar grãos de produtores e causar prejuízos milionários

A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da Delegacia Especializada em Combate aos Crimes Rurais (Deleagro), deflagrou na segunda-feira, 26, a Operação Tríade, que tem por finalidade apurar suposto desvio de grãos de uma sociedade de produtores rurais da região oeste do Estado.

Conforme explica o delegado Gustavo Henrique da Silva Andrade, no decorrer das investigações, a Polícia Civil apurou que um dos sócios, supostamente, passou a ocultar informações dos demais, passando a colher e vender os grãos  por conta própria, auferindo lucro sozinho em detrimento dos outros sócios.

Com o aprofundamento das investigações, na manhã desta segunda, a equipe de investigadores da Deleagro, com apoio da 58ª Delegacia de Polícia de Lagoa da Confusão, conseguiu localizar 218 mil quilos de soja em um armazém na referida cidade e fez a apreensão cautelar do produto. A carga está avaliada em cerca de R$ 400 mil.

A operação desencadeada nesta segunda-feira visa resguardar os investimentos feitos pela sociedade de maneira cautelar, aguardando o fim das investigações para apurar as possíveis condutas criminosas e, desse modo, promover a responsabilização dos envolvidos, para então ser dada a destinação final dos produtos.

“As investigações e diligências continuam para que a Polícia Civil possa esclarecer toda a dinâmica dos fatos e apurar também se há mais pessoas envolvidas nesse tipo de esquema e se outros carregamentos de soja podem ter sido comercializados sem a anuência dos demais sócios do negócio”, frisou o delegado Gustavo Henrique.

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo