Siga nas redes sociais

Professora Dorinha fala sobre PNE e Lei do Piso do Magistério em programa


Após cinco dias cumprindo agenda de campanha pelo Tocantins, a deputada Professora Dorinha Seabra Rezende (Democratas/TO) está em Brasília para participar do Programa Missão Pedagógica no Parlamento nesta terça, 21. A parlamentar irá representar os membros da Comissão de Educação e Cultura da Câmara.                                                               Na oportunidade, a deputada tecerá um breve relato sobre a sua experiência pessoal nesse processo de aprovação do Plano Nacional de Educação (PNE) e a sua opinião sobre a Lei

do Piso do Magistério.                                                                                                                                                                                               O Missão Pedagógica no Parlamento é um programa criado pela Câmara dos Deputados com o objetivo de oferecer aos educadores formação em educação para democracia. Esse foi o primeiro programa destinado a professores realizado pelo Legislativo no âmbito federal e em 2012 está indo para sua 2ª edição.                                                                             O programa busca a construção de uma rede nacional de professores sensibilizados para a importância da inserção da educação para a democracia nas práticas pedagógicas das escolas.                                                                                                                                       Os professores participam de uma intensa semana de formação em Brasília, e também contam com módulos a distância, nos quais aprendem e socializam saberes e práticas para fazer da escola um espaço privilegiado para a vivência de experiências e valores democráticos e para o fortalecimento da cidadania. Além disso, conhecem de perto a Câmara dos deputados.                                                                                                                                                                                                                    A cada edição, são selecionados 54 professores da rede pública de ensino de todo o Brasil – dois de cada estado e do Distrito Federal. As despesas para participação no encontro em Brasília são custeadas pela Câmara dos Deputados.

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo