Siga nas redes sociais

Secretário da Saúde Nicolau Esteves e o Presidente da ATM Manoel Silvino visitaram professora Margarida Lemos


O secretário de Estado da Saúde, Nicolau Esteves, acompanhado do presidente da ATM – Associação Tocantinense dos Municípios, o prefeito de Tocantínia, Manoel Silvino Gomes Neto, visitou nesta quarta-feira, 16, a professora Margarida Lemos Gonçalves, que está se recuperando de um grave problema de saúde. A professora e missionária, pioneira no Tocantins, será homenageada da Flit – Feira Literária Internacional do Tocantins, que acontecerá em julho deste ano, em Palmas.


Na oportunidade, o secretário destacou a importância que a missionária representa para o Estado; da vontade que tinha de conhecê-la pessoalmente, tendo ouvido da própria missionária sua história à frente do Colégio Batista, cuja importância para a educação no Tocantins é inegável.


Hospitalizada


A missionária, que ficou hospitalizada por 45 dias, depois de sentir dores abdominais, insuficiência respiratória e insuficiência renal, está no momento em fase de recuperação, sob os cuidados de amigos. A professora foi internada no dia 20 de março, um dia após ter participado da aula inaugural no Colégio Estadual Batista Professora Beatriz Rodrigues da Silva, antigo Colégio Batista de Tocantínia, onde lecionou e foi diretora por 32 anos. O colégio foi reformado e no dia 16 de março de 2012 a primeira etapa foi entregue à comunidade.


A professora, que está respondendo com sucesso ao tratamento, falou com emoção da visita recebida, ao mesmo tempo em que destacou o interesse e a preocupação que o secretário tem em resolver os problemas relacionados à saúde no Estado.


Margarida Lemos Gonçalves


Educadora, missionária batista, oradora, conferencista e pesquisadora brasileira, bacharelou-se em Educação Religiosa pelo The Baptist Seminary Fort Worth, Texas, Estados Unidos. Natural de Vitória (ES), a professora Margarida, de 85 anos, chegou ao Tocantins em 1948. Foi diretora do Colégio Batista de Tocantínia por 32 anos e fundadora e diretora do Colégio Batista de Palmas. Foi membro e presidente do Conselho Estadual de Educação do Tocantins. É membro fundadora da Academia Tocantinense de Letras e membro da Academia Palmense de Letras.


Atualmente, a professora Margarida Lemos Gonçalves é diretora do Colégio Estadual Batista "Professora Beatriz Rodrigues da Silva", em Tocantínia. A escola recebeu este nome em homenagem à fundadora dessa instituição de ensino, que tornou-se referencia na história da educação no antigo Norte Goiano, hoje Estado do Tocantins.


Títulos recebidos: Cidadã Honorária de Tocantínia, Cidadã Palmense; Cidadã de Lajeado e Cidadã Tocantinense. Obras publicadas: "Beatriz a que faz feliz" (1964), "Facetas da Vida Cristã" (2007) e "A Missionária que veio para ficar" (2011).


Em janeiro deste ano, a Academia Tocantinense de Letras escolheu, por unanimidade, a professora Margarida Lemos Gonçalves para ser a homenageada Regional da Flit – Feira Literária Internacional do Tocantins, que acontecerá de 6 a 15 de julho de 2012, em Palmas-TO

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo