Siga nas redes sociais

TRE-TO recebe último lote de 919 urnas para as eleições de outubro deste ano

Fotos – Carlos Eller
As 2.919 novas urnas eletrônicas que serão utilizadas nas eleições municipais de 2024 já estão na central das Urnas do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO). O último lote do modelo 2022, com 919 aparelhos, foi recebido na manhã desta segunda-feira, 26.
Ao todo, 4.924 unidades estarão disponíveis para o pleito deste ano, e os eleitores tocantinenses poderão escolher seus representantes, vereadores e prefeitos, nos 139 municípios. Desse quantitativo, 2.005 mil são urnas eletrônicas modelo 2020. Vale lembrar que no ano de 2023, nos meses de agosto e setembro,  a Justiça Eleitoral do Tocantins recebeu 2 mil equipamentos.
“Está é mais uma etapa concluída do planejamento das eleições, que é executado de forma consistente com a competência dos servidores e colaboradores do TRE-TO. Estamos a menos de oito meses do pleito e tudo tem sido realizado para realizarmos um processo eleitoral célere, legítimo, seguro e de qualidade, como tem sido feito sempre pelo tribunal”, disse o presidente do TRE-TO, desembargador João Rigo Guimarães.
Equipamentos modernos
A modernização, principalmente com maior segurança, foi um dos pontos abordados pelo coordenador da Coordenadoria de Sistemas Eleitorais e Logística (Cosel), Jader Batista Gonçalves. “As novas urnas eletrônicas, são equipamentos modernos e 18 vezes mais rápidos que o modelo 2015. Esta evolução tecnológica garante ainda mais segurança e até mesmo foi desenvolvido mecanismos de maior autonomia da bateria. Ou seja, em caso da falta de energia elétrica, o pleito não é prejudicado”, explica Gonçalves.
No Tocantins, as novas urnas irão substituir os exemplares de 2010, 2011, 2013, 2015 e 2016. Apenas os modelos 2020 e 2022 serão utilizados nos próximos processos eleitorais.
Manutenção preventiva

As novas urnas recebidas entrarão no ciclo de manutenção preventiva que será realizada em todo o lote da nova aquisição. São realizados os procedimentos de teste de funcionamento, atesta se veio de acordo com a especificação da compra.
“Depois, é feita a instalação da certificação de que a mesma é uma urna eletrônica válida, que pode ser utilizada em um processo eleitoral. Ao concluir estes passos, são efetuados testes no sistema e simulados de votação para garantir a eficácia no dia do pleito”, explicou Bruno Germano Kran, técnico de urnas.
Finalizado todo o processo, a partir do próximo mês de julho, será feita a distribuição para todos os Cartórios Eleitorais, de acordo com a necessidade de zona eleitoral tocantinense, de modo que, até outubro do mesmo ano, todas já estejam em seus devidos locais de uso.
Novos aparelhos

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), foram contratadas 219.998 urnas eletrônicas para todo o país. Destas, 177.815 urnas (80,83%) já foram entregues aos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). Com a expectativa de que a produção das novas urnas seja concluída até o próximo mês (fevereiro).

Objetivos Estratégicos

1. Aprimorar mecanismos de atendimento ao cidadão;
2. Aprimorar mecanismos de transparência pública;
7. Aperfeiçoar mecanismos de gestão do processo eleitoral;
10. Aprimorar a gestão dos recursos orçamentários e financeiros;
11. Prover transformação digital e inovações tecnológicas.

Compartilhar nas redes sociais
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email
Telegram

Artigos relacionados

Notícias Em destaque

Pular para o conteúdo